Transparência e Eficiência

12 de julho de 2018 

A história do Instituto dos Advogados de São Paulo sempre caminhou ao lado da história do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, não somente porque foram fundados no mesmo ano de 1874, mas, especialmente, pela missão e tradição na colaboração com a “aplicação do direito à vida prática”, como já anunciava o Barão de Ramalho em seu discurso de posse como primeiro Presidente do Iasp.

No cumprimento dessa diretriz, o diálogo com o Tribunal de Justiça continua profícuo, em prol da modernização do processo judicial para benefício da sociedade. Insistimos na busca de soluções para problemas crônicos, como o pagamento dos precatórios, o gargalo das guias de levantamento judicial e no avanço do processo judicial eletrônico.

Reconhecemos o esforço contínuo do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Desembargador Manoel Pereira Calças, para aprimorar a prestação jurisdicional e apoiamos a regionalização das varas empresariais. A realidade do processo judicial eletrônico impõe a implantação do mandado judicial eletrônico, extinguindo a expedição de guias físicas e a burocracia para o levantamento de honorários e transferência dos recursos para as partes.

Também, nos julgamentos em segunda instância, devemos avançar numa solução de sistematização e uso do meio eletrônico para os pedidos de preferência e sustentação oral. A especialização da Justiça e o aprimoramento dos meios eletrônicos são fundamentais para tornar a Justiça mais transparente e eficiente.

José Horácio Halfeld Rezende Ribeiro
Presidente

Julia Faria