IASP se posiciona contra censura

O Instituto dos Advogados de São Paulo emitiu uma nota expressando sua preocupação em relação aos acontecimentos envolvendo imprensa e Supremo Tribunal Federal. Leia a íntegra abaixo.

 

O Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP) expressa sua preocupação em relação aos recentes acontecimentos envolvendo imprensa e Supremo Tribunal Federal (STF), dentro do escopo do Inquérito 4.781/DF. Em decisão proferida pelo Senhor Ministro Relator, foi determinado que, sendo aparentemente falsas as notícias postas contra membro do Tribunal, seria de se proibir tais veiculações. Em que pese eventual questionamento sobre a correção de forma do próprio Inquérito eleito para esse fim (o qual ainda é pendente de ponderação judicial), não é aceitável a retirada liminar do conteúdo da publicação jornalística, o que se confunde com censura de todo reprovável.

Renato Jorge de Mello Silveira, presidente do IASP

Luís Indriunas