A LEI ANTICORRUPÇÃO E O DIREITO ADMINISTRATIVO SANCIONADOR | R$90,00

iasp_editora_livros_5.png


APRESENTAÇÃO

"[...] recentemente, foi promulgada a Lei n. 12.846, de 1º de agosto de 2013, conhecida como Lei Anticorrupção ou Lei da Empresa Limpa, dispondo sobre a responsabilização administrativa e civil de pessoas jurídicas pela prática de atos contra a administração pública, nacional e estrangeira. [...] É sobre essa lei que discorre Fernando Rissoli Lobo Filho. E o faz de forma aprofundada, inserindo-a em um contexto histórico, a partir da análise do movimento internacional anticorrupção e levando em conta os próprios anseios da sociedade brasileira [...]. O autor analisa detidamente o regime jurídico do direito administrativo sancionador, apontando e analisando seus princípios informadores para, a seguir, examinar os pontos relevantes da lei anticorrupção [...]. A controvertida questão da responsabilidade objetiva das pessoas jurídicas é analisada pelo autor, que defende a ideia de que esse tipo de responsabilização, prevista na Lei Anticorrupção, somente pode ser aplicado para fins de reparação de danos e devolução de valores, mas não para a aplicação de sanções. O autor analisa a lei em sua integralidade, abrangendo os atos lesivos e respectivas sanções, o processo administrativo de responsabilização, o acordo de leniência, a responsabilização judicial e, inclusive, as disposições finais da lei. [...] Por tudo isso, o livro apresenta-se como importante fonte de pesquisa, de estudo e de meditação para quantos se dediquem ao estudo e à aplicação da Lei Anticorrupção". - Maria Sylvia Zanella Di Pietro

Rafael Galdini